STJ decide manter Ricardo Coutinho em liberdade e aplica medidas cautelares

Os ministros que compõem a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidira recusar o pedido da Procuradoria-Geral da República para que o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) voltasse à prisão. A decisão ocorreu durante sessão na sede do órgão nesta terça-feira (18) em Brasília.

Por 4 a 1, Ricardo responderá ás denúncias de corrupção em liberdade. Os ministros impuseram algumas medidas cautelares para o ex-governador. O socialista terá que cumprir a risca todas as medidas sugeridas pelo STJ.

São elas: Comparecimento periódico em juízo; Proibição de manter contato com os demais réus – excerto seu irmão (correu) Coriolando; Proibição de sair da comarca; Além do afastamento da atividade de natureza econômica financeira no estado da Paraíba.

Blog do Galdino