Sem lixeiras embalagens plásticas são jogadas no chão em entrada do Parque do Poeta em Guarabira

Os plásticos ficaram espalhados após as bebidas serem colocadas no cooler (Foto: Reprodução/Raelson Galdino).

Um amontoado de plásticos foi deixado pelo público ao passarem pelos seguranças durante revistas das caixas térmicas (cooler) na entrada lateral do Parque do Poeta Ronaldo Cunha Lima, sentido Bairro Novo de Guarabira. No espaço é realizada a Festa da Luz, padroeira da cidade.

As pessoas jogaram o lixo ao perceberem que a organização da festa não instalou lixeiras no local. Embalagens plásticas de cervejas e refrigerantes foram dispensadas no chão pelas pessoas.

Por esse setor aconteceu à passagem de autoridades que presenciaram o lixo espalhado, a exemplo da primeira-dama de Guarabira, Léa Toscano, seu esposo e prefeito da cidade, Zenóbio Toscano, a deputada estadual Camila Toscano e o deputado federal Pedro Cunha Lima.

Horas depois, um homem com uma sacola enorme apareceu no local e cantou os plásticos espalhados na entrada da festa.

As pessoas procuraram uma lixeira mais não encontraram (Foto: Reprodução/Raelson Galdino).

Blog do Galdino