Fabiano classificou a atitude de Camaf como um “ato de covardia” durante 1º sessão de 2020 na Câmara

Registro do prefeito Fabiano Pedro durante 1º sessão de 2020 (Foto: Arquivo).

O prefeito de Lagoa de Dentro, Fabiano Pedro (PSD), comentou sobre o episódio que, segundo ele, teve a fala cassada na Câmara Municipal no início das atividades parlamentares. O gestor classificou a atitude do presidente Camaf como; “Um ato de covardia. Estou no meu oitavo ano de administração, sempre participei das sessões que marcam o retorno das atividades parlamentares de Lagoa de Dentro. Fui impedido por Camaf de debater os questionamentos dos vereadores”, disse Fabiano.

Fabiano concedeu entrevista neste domingo (16) ao radialista Raelson Galdino, no programa Paraíba Agora, na Rádio Constelação FM. Camaf Douglas rompeu politicamente com Fabiano Pedro após o gestor definir Zezinho da Rapadura como o pré-candidato a prefeito.

Curtinhas da Redação