Em última mensagem à ALPB como governador, Ricardo presta contas

Em sua última mensagem à Assembleia Legislativa, lida nesta quinta-feira (15) durante abertura das atividades, o governador Ricardo Coutinho (PSB) fez um balanço das obras executados durante seus governos, exaltou o ex-presidente Lula (PT) e destacou a necessidade de distribuir as águas do Rio São Francisco.

Conforme o governador, a Transposição não foi feita para “juntar água” e, segundo ele, um milhão de paraibanos são beneficiados com a obra do Governo Federal. “Não interessa a ninguém ter Boqueirão (açude) cheio, porque a água evapora”, argumentou.

O governador aproveitou para citar mais uma vez Termo de Cooperação firmado com o Governo de Pernambuco para captação das águas do Rio Paraíba. “A água do São Francisco é de todos. Se você capta no Rio São Francisco ou na Paraíba, a cota é a mesma”, frisou.

Em relação ao investimentos em educação, o governador afirmou que a Paraíba é o segundo estado do país em percentual de estudantes do ensino médio em escolas de ensino integral. “É uma série de coisas que tem feito uma diferença enorme”, avaliou. Ele ainda anunciou edital para incentivar pesquisas na Universidade Estatual da Paraíba (UEPB).

O governador também exaltou investimentos na saúde com hospitais de Oncologia, em Patos, e Metropolitano de Santa Rita. Na mensagem também houve destaque para redução no número de homicídios. A solenidade ocorre no auditório do Ministério Público da Paraíba, em João Pessoa.

Após discurso de cerca de três horas, o governador concluiu sua mensagem afirmando que ao longo dos últimos sete anos a Paraíba passou a ser protagonista e obteve importantes avanços.

Blog do Galdino/Informações do Mais PB