“É preciso que haja um esclarecimento”, diz vereador sobre suspensão de atendimentos em Unidade de Saúde de Araçagi

O vereador de Araçagi, Região Metropolitana de Guarabira, Jandilson Figueiredo (PSB) disse que a suspensão das atividades da Unidade Mista de Saúde (Hospital) Vanildo Maroja, estava prevista acontecer. A informação de “fechamento” foi adiantada pelo Blog do Galdino, em maio do decorrente ano, leia. As declarações do parlamentar foram dadas em entrevista na última sexta-feira (25) ao radialista Raelson Galdino, no programa Guarabira em Pauta, da Rádio Guarabira FM.

O parlamentar disse que a administração não cumpre a determinação da AGEVISA (Agência Estadual de Vigilância Sanitária da Paraíba). Jandilson afirmou que no documento emitido pelo órgão, o técnico responsável pela vistoria “suspendeu as atividades” da unidade, o laudo não aponta apenas a suspensão do atendimento clínico e ambulatorial, como informou a Secretaria de Saúde do Município, e sim os trabalhos (médicos) na localidade.

“É preciso que haja um esclarecimento. O órgão emitiu um laudo suspendendo as atividades da Unidade Mista de Saúde Vanildo Maroja, o documento é claro para a suspensão e não aponta quais atendimento são suspensos, mas a Secretaria de Saúde diz que só foi o atendimento clínico e ambulatorial, alguém está mentindo”, disse o parlamentar. 
Neste contexto, Jandilson se reuniu com os vereadores oposicionistas e acionaram a Promotoria do Ministério Público do Município na última quinta-feira (24). O parlamentar adiantou que ocorrerá uma audiência promovida pela Promotoria com os vereadores, prefeito, secretária de saúde e o técnico responsável pela vistoria da AGEVISA.

Blog do Galdino/Raelson Galdino