COVID-19: “Realmente há uma suspeita”; Diz morador de Guarabira ao gravar áudio

Imagem do casal veiculada nas redes sociais.

Um casal está sendo acompanhado pela Secretaria Municipal de Saúde de Guarabira. O marido e a esposa são suspeitos de contraírem a COVID-19, o novo coronavírus. Há, exatamente, sete dias que o filho do casal retornou de João Pessoa para visita-los em Guarabira. Segundo seu pai, supostamente o jovem foi infectado na Capital do Estado.

Inicialmente circulou em grupos de WhatsApps a fotografia do casal, identificados por Edmundo Lucena (Del) e Suely. As suspeitas foram confirmadas após a veiculação de um áudio gravado pelo próprio Del, que relata os sintomas causados pelo vírus. Na próxima quinta-feira (24) completará o prazo de dez dias, período que será realizado o teste rápido para identificar ou não a doença.

Del ocupa uma função na Casa da Cidadania do Governo do Estado em Guarabira. Ele é cunhado do empresário João Rafael de Aguiar, proprietário de três fabricas têxtil na cidade, além de ser dono das Rádios Cultura FM, Rural AM e Portal Nordeste I.

Del é gerente numa das fabricas do empresário e foi visto por funcionários visitando o local de trabalho nesta segunda-feira (20).  Suely é técnica de enfermagem e presta serviço para a Secretaria de Saúde de Guarabira. Ela também trabalha na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade.

A Secretaria de Saúde de Guarabira divulgou um Boletim Epidemiológico nesta segunda-feira (20) e mostra a existência de cinco [05] casos suspeitos e três [03] que foram descartados para o novo coronavírus. Outras doze [12] pessoas seguem cumprindo quarentena domiciliar na cidade.

Blog do Galdino