COVID-19: Justiça usa recursos da Operação Calvário e entrega aparelhos respiratórios a hospitais da PB

15 respiradores pulmonares foram entregues por órgãos do Sistema de Justiça à rede de saúde pública da Paraíba. Os equipamentos serão utilizados no combate a pandemia do COVID-19, o novo coronavírus. Os aparelhos foram adquiridos através de recursos recuperados na Operação Calvário, sendo destinados a dez hospitais do Estado.

Os aparelhos foram avaliados em R$ 825 mil, e já estão disponíveis aos gestores de saúde. Os equipamentos foram destinados a dois hospitais de João Pessoa, dois a unidades de saúde de Campina Grande, além do Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW) que também recebeu equipamentos.

Histórico

Os recursos foram obtidos no âmbito da Operação Calvário, deflagrada em dezembro de 2018. A investigação está sendo realizada por uma força-tarefa, composta pelo Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco), com o apoio da Comissão de Combate aos Crimes de Responsabilidade e à Improbidade Administrativa (Ccrimp/MPPB), Polícia Federal, Controladoria-Geral da União e Ministério público Federal.

O objetivo da operação foi investigar e desarticular uma organização criminosa que foi responsável pelo desvio de recursos das áreas de saúde e educação. Através dessa ação, que recebe a participação do Poder Judiciário, por meio do desembargador Ricardo Vital de Almeida, relator do processo, parte desses recursos desviados estão voltando à saúde.

Blog do Galdino/G1PB