Chapéu, corta-luz e assistência: Vinicius Jr. cada vez mais solto com a camisa do Fla

O primeiro gol como profissional com a camisa do Flamengo ainda não veio. Mas Vinicius Junior está cada vez mais à vontade em campo nesta nova fase da carreira. A pouco menos de um mês de completar 17 anos, a maior revelação da base rubro-negra teve sua melhor atuação até o momento, na noite desta quarta-feira, na vitória por 2 a 0 sobre a Ponte Preta, na inauguração da Ilha do Urubu.
Começando como titular pela segunda partida consecutiva, o garoto esteve em campo durante 83 minutos. Nesse período mostrou seu vasto repertório: deu chapéu, corta-luz, apareceu para o jogo e coroou a boa atuação com uma assistência para o segundo gol da partida, marcado por Leandro Damião. 

Chapéu como cartão de visitas

Foi do garoto criado no Ninho o privilégio de dar o pontapé inicial na nova casa rubro-negra. O primeiro lance de efeito foi logo aos 2 minutos, sua especialidade: um plástico chapéu em Naldo no campo ofensivo, para delírio da torcida, orgulhosa de sua joia.

Drible seco

Se movimentando bem, o jovem jogador apareceu na entrada da área pela esquerda aos 14 minutos, deu um corte seco em Elton e fez mais um cruzamento para Damião, que tentou cabeceio, mas viu a zaga da Ponte cortar para escanteio. A parceria com o atacante começava a esquentar.

Blog do Galdino/GE