Pular para o conteúdo principal
 

Senado define prioridade para três projetos de Lira para reduzir a violência no país

Três Projetos do Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) ganharam prioridade no Senado por tratar temas relacionados aos momentos de insegurança vividos atualmente pela população no país. Ao focar neste tema, a Casa definiu projetos prioritários que criem mais rigor nas penalidades e sejam instrumentos para reduzir a violência. A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania – CCJ definiu pautar como prioridade três Projetos de Lira, que serão votados nesta quarta-feira (16).
Uma dessas matérias é o Projeto de Lei do Senado (PLS 469/2015), que visa reduzir os crimes cometidos por bandidos em ambiente doméstico e escolar, agravando a pena de crimes praticados em situação de tocaia, nas imediações de residências, no interior de escolas ou em raio de até cem metros das escolas. Em junho último, um estudante foi assassinado dentro de uma escola no Itapoã, a 15 km de Brasília.
Outro destaque é o Projeto de Lei do Senado (PLS 320/2015) que tipifica o porte de arma branca (qualquer artefato perfurante, cortante ou contundente, que seja portado com vistas à prática de crime), ficando de fora o porte para emprego em ofício, ou seja, como ferramenta de trabalho, a exemplo das tesouras das costureiras, das facas dos açougueiros, das enxadas e das foices dos agricultores, dentre outros.
Já o Projeto de Lei (PLS 358/2015) torna mais rigorosa a punição para quem se aproveitar de criança ou adolescente para cometer crimes. O texto estabelece que responderá por crime praticado por menor de 18 anos quem coagir, instigar, induzir, auxiliar, determinar ou, por qualquer meio, incentivar o delito.
Esta semana o senador Raimundo Lira foi à Tribuna do Senado para também tratar da questão da Segurança Pública. Ele defendeu mais rigor no Código Penal para dar fim ao estímulo ao crime, que a legislação, a seu ver, atualmente proporciona. No discurso, ele citou o aumento de casos de assaltos e as explosões de agências bancárias por bandidos que o Senador vem classificando como “novos cangaceiros”. Segundo Lira, “a violência ilimitada e descontrolada está destruindo a estrutura econômica e social do Brasil”.
O tema Segurança Pública foi priorizado no Senado após a constatação de um aumento considerável nos crimes praticados contra a população, o que ficou mais evidente depois do assassinato da servidora pública e jornalista Maria Vanessa Veiga Esteves, do Ministério da Cultura, morta a facadas na 408 Norte, no centro de Brasília, na noite da última terça-feira (9), crime cometido de forma perversa e cruel pelo bandido Alessandro Lima, de 26 anos, e por um menor de 15 anos. Segundo o Delegado que está apurando o caso, o jovem assassino disse, na Delegacia: “hoje eu estava com vontade de matar alguém”.
“O atual Código Penal, mantido com força e determinação pelo impatriotismo e pela ganância, tem o objetivo de estimular o banditismo e tirar as condições de trabalho da polícia. Igualmente, o Código do Processo Penal protege o criminoso e tira a eficiência do Poder Judiciário”, finalizou Lira.
Blog do Galdino/Click PB

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Morre em Guarabira Zenobinho vítima de Edema Agudo de Pulmão

Morreu vítima de Edema Agudo de Pulmão, Antônio Altino Batista, conhecido como Zenobinho, na tarde deste domingo (16) no Hospital Regional de Guarabira. Ele passou mal em sua residência, socorrido, mas acabou não resistindo e veio a óbito. Na unidade hospitalar, teve três (03) paradas cardíacas.
Zenobinho sofria de pressão alta e diabete, no Hospital, a equipe médica realizou diversos atendimentos socorrê-lo, das três paradas cardíacas, os médicos conseguiram reverter em duas, a terceira, não foi possível.
Zenobinho era muito querido por diversos meios da sociedade guarabirense, sejam políticos, empresários, comerciantes, além de pessoas simples da cidade.

Guarabira ganhará biblioteca sobre trilhos em antiga estação

O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano (PSDB) realizará mais uma ação em torno da cultura e educação do município, desta vez, o gestor guarabirense conseguiu junto a CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos) um vagão de trem, que será transformado em uma biblioteca. Toscano está resgatando a antiga Estação Ferroviária, no Bairro da Esplanada, onde ficará o vagão doado.




Zenóbio anunciou que implantará algumas ações na localidade, onde recuperará a história ferroviária de Guarabira através do Museu da Ferrovia e a construção do Parque da Estação, que atenderá os moradores da Esplanada. O chefe do executivo municipal pretende restaurar a chamada ponte de tábua, que fica por trás do prédio.



O Parque da Estação receberá uma academia da saúde, duas quadras esportiva uma com piso, a segunda de areia, além de contar com equipamentos que atenderá as crianças e uma pista de skates.



Sobrevivente: Rafael diz que imaginou chegarem os três mortos em Araçagi

A equipe de resgate do Corpo de Bombeiro iniciou nesta terça-feira (25) o terceiro dia de buscas à Ivandro Batista [Vandinho], desaparecido no último domingo (23). Vandinho estava com o filho e amigos na praia do Coqueirinho, Baía da Traição, Litoral Norte paraibano, quando foi levado por uma correnteza.
De acordo com relatos de pescadores, o local onde Vandinho estava com o filho, é impróprio para o banho, o lugar acontece o encontro do rio com o mar. Durante o ocorrido, o filho de Vandinho relatou a pessoas próximas, que conseguiu erguer das águas o pai por um último instante, e percebeu que seu genitor (pai) estava com os olhos branco, e sem reação.
Rafael um dos sobreviventes, disse durante participação no jornalístico da Rádio Marmaraú FM, que caminhavam pelo banco de areia, instantes depois, revelou que não conseguiam alcançar o solo. Contou que Vandinho apenas pensou em salvar o filho, afirmou imaginar os três chegando em Araçagi ‘mortos’.  
Blog do Galdino/Raelson Galdino